Desperta tu que dormes!!!

terça-feira, 12 de janeiro de 2016

"Até Quando Coxeareis Entre Dois Pensamentos?"

Muitas pessoas em nossos dias precisam responder à mesma pergunta que Elias fez no Monte Carmelo. Talvez quando você ouvir isto, perceberá que é um daqueles que tentam ficar em cima do muro, quando se apresenta a palavra de Deus. De um lado, você vê as crenças costumeiras e as tradições religiosas do povo. Talvez você tenha confiança no fato que foi batizado e educado na fé tradicional de seus pais e avós. Talvez você confie na sabedoria e no conhecimento de seu pastor ou padre. Você pode reconhecer o fato que as doutrinas dele nem sempre concordam totalmente com a Bíblia, mas você se agarra a essa fé tradicional porque ele é o pastor e você é uma ovelha submissa.
Por outro lado, você é desafiado pelas afirmações simples da Escritura. Você entende que Deus quer ser adorado em espírito e verdade (João 4:23). Você aprendeu que essa Verdade não é o que algum pastor ou papa diz, mas o que Deus diz (João 17:17). Você sabe que esta Verdade, e não as tradições das religiões humanas, é o que liberta os homens (João 8:32). Você também sabe que seremos todos julgados de acordo com esta Verdade que Jesus revelou na Bíblia (João 12:48).
Você não deve ficar em dúvida sobre o que vai fazer. Você pode aceitar o desafio que Paulo ofereceu: "Julgai todas as cousas, retende o que é bom; abstende-vos de toda forma de mal"(1 Tessalonicenses 5:21-22). Conforme você examina as Escrituras para confirmar cada doutrina e cada prática de sua religião (Atos 17:11), você pode ficar surpreso com a diferença entre a vontade de Deus e as tradições dos homens. Você tem fé e coragem para abandonar todas as práticas e ensinamentos humanos para servir ao Senhor?
Deus oferece-nos a oportunidade para ficarmos livres da confusão das religiões feitas pelo homem, mas precisamos ter a coragem de por em prática o que estamos aprendendo. Tiago disse: "Portanto, despojando-vos de toda impureza e acúmulo de maldade, acolhei, com mansidão, a palavra em vós implantada, a qual é poderosa para salvar a vossa alma. Tornai-vos, pois, praticantes da palavra e não somente ouvintes, enganando-vos a vós mesmos" (Tiago 1:21-22).
O estudo da palavra de Deus não é meramente um exercício acadêmico para se aprender algo novo e diferente. Não é apenas equipar-nos para ver o erro na vida dos outros. Nosso propósito deveria ser primeiro examinar nossas próprias vidas, removendo toda idéia falsa e prática errada, para que possamos ficar verdadeiramente reconciliados com Deus (2 Coríntios 10:4-6).
Conforme você aprender que a Bíblia não autoriza orações através da intercessão de Maria, você precisa ter a coragem de parar com essa prática. Conforme você aprender que a Bíblia não exige dízimos hoje em dia, você precisa parar de pregar o dízimo. Conforme você aprender que o batismo na Bíblia é imersão em água de uma pessoa que já crê e se arrependeu dos seus pecados, você precisa admitir o fato que alguém que foi aspergido quando criança não está salvo e precisa do evangelho de Jesus Cristo. Conforme você vê a necessidade do batismo para a remissão dos pecados (Atos 2:38), você precisa rejeitar as doutrinas humanas que sugerem que a salvação vem antes do batismo, simplesmente pela aceitação de Jesus. Por quanto tempo você ficará em cima do muro? Você precisa ter fé para praticar o que Jesus prega!
Para gozar do grande privilégio da camaradagem com Deus, precisamos abandonar as práticas e ensinamentos religiosos falsos: "Por isso, retirai-vos do meio deles, separai-vos, diz o Senhor; não toqueis em cousas impuras; e eu vos receberei" (2 Coríntios 6:17).

Jesus está Voltando!!!

quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014

CRENTES QUE FAZEM A DIFERENÇA


Jeremias 18.1-2: “1 Palavra do SENHOR que veio a Jeremias, dizendo: 2 Dispõe-te, e desce à casa do oleiro, e lá ouvirás as minhas palavras.”

INTRODUÇÃO

A sociedade em que estamos inseridos tem-se corrompido cada dia mais. Os valores pregados por este mundo incentivam à busca do prazer pessoal, da falta de limites, da obtenção daquilo que se deseja custe o que custar. Quando ligamos a televisão somos fuzilados por imagens sensuais ou violentas, notícias de guerras, de conflitos, de homicídios, roubos e todo tipo de agressão que as pessoas cometem umas contra as outras. São fatos e imagens capazes de causar depressão a quem procura levar uma vida de integridade e retidão. Há um declínio moral nessa sociedade, onde palavras como respeito, honra, dignidade, amor, etc., soam de forma estranha e parecem fazer parte de uma realidade muito distante.
Nós, cristãos, vivemos nessa sociedade. Aqui moramos, trabalhamos e realizamos todos os demais atos de nossas vidas. Entretanto, Deus nos fez vasos de bênção, de honra, e deseja que façamos a diferença em meio a uma geração corrompida, não nos contaminando com suas filosofias mundanas, mas agindo de maneira oposta e vivendo conforme os valores que o SENHOR nos ensina.
Jesus Cristo disse: “Vós sois o sal da terra; ora, se o sal vier a ser insípido, como lhe restaurar o sabor? Para nada mais presta senão para, lançado fora, ser pisado pelos homens. 5.14 Vós sois a luz do mundo. Não se pode esconder a cidade edificada sobre um monte; 5.15 nem se acende uma candeia para colocá-la debaixo do alqueire, mas no velador, e alumia a todos os que se encontram na casa. 5.16  Assim brilhe também a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem a vosso Pai que está nos céus.” (Mateus 5.13-16)
Jeremias foi um profeta que serviu como instrumento de Deus para levar sua mensagem ao povo judeu em um período em que o povo estava afundado na corrupção causada pelo pecado. As pessoas haviam se afastado de Deus, servindo a falsos deuses e fazendo a sua própria vontade. Mas Jeremias foi exemplo de um homem fiel a Deus, um crente que fez a diferença em meio a uma geração corrupta, não se deixando contaminar pelo comportamento da sociedade em que vivia, porém servindo a Deus com integridade e retidão.
Todos nós, que professamos nossa fé em Jesus Cristo e chamamos Deus de Pai, temos o dever de nos mantermos afastados daquilo que não agrada a Deus, firmando-nos na vontade do Pai, pois assim faremos diferença neste mundo.
Na passagem bíblica que lemos, podemos ver algumas atitudes que podem nos ajudar a sermos homens e mulheres fiéis, assim como foi Jeremias em seu tempo.


1)      OUVIR A PALAVRA DO SENHOR

No versículo 1 está escrito: “Palavra do SENHOR que veio a Jeremias”.
No lugar de Jeremias, vamos colocar nosso nome. Ficaria assim: “Palavra do SENHOR que veio a José, a João, a Maria, a Pedro, etc.”
Jeremias ouvia a Palavra de Deus constantemente, e era encarregado de transmiti-la às demais pessoas. Assim também nós devemos estar continuamente ouvindo a Palavra de Deus.
O que Deus falou a Jeremias também é dito a nós. As Escrituras atravessarem séculos e chegaram até nós, trazendo a mensagem de Deus. Vamos destacar algumas coisas que a Palavra de Deus pode fazer em nós:
a) Regeneração“pois fostes regenerados não de semente corruptível, mas de incorruptível, mediante a palavra de Deus, a qual vive e é permanente.” (1Pe 1.23) A Palavra de Deus é a semente incorruptível plantada em nós, através da qual o Espírito Santo faz a obra da regeneração, que é o nosso novo nascimento. Jesus disse que não é possível entrar no Reino de Deus sem nascer de novo. Quem executa em nós o novo nascimento é o Espírito Santo. Esse novo nascimento vem com a Palavra de Deus implantada em nosso coração.
b) Limpa: a Palavra de Deus nos limpa, assim como o agricultor limpa os galhos das árvores para que produzam mais frutos. “Todo ramo que, estando em mim, não der fruto, ele o corta; e todo o que dá fruto limpa, para que produza mais fruto ainda. Vós já estais limpos pela palavra que vos tenho falado;” (João 15.2-3). A Palavra de Deus realiza a poda em nossos galhos. Ela corta os galhos secos, arranca as folhas murchas, para que sejamos renovados constantemente e possamos produzir frutos, como deseja nosso Senhor. Ela arranca, por exemplo, os galhos do egocentrismo para que brote o Cristocentrismo.
c) Alimenta: Muitas vezes nos preocupamos muito com nosso alimento físico, mas negligenciamos o alimento espiritual. Jeremias sabia que a Palavra de Deus era alimento, e que ele precisava sempre se alimentar dela. Vemos em Jeremias 15.16 a seguinte declaração do profeta a Deus: “Achadas as tuas palavras, logo as comi; as tuas palavras me foram gozo e alegria para o coração, pois pelo teu nome sou chamado, ó SENHOR, Deus dos Exércitos.”. O fato de se alimentar continuamente da Palavra de Deus fortalecia Jeremias e o capacitava a ser diferente, ser fiel, reto e íntegro. Jesus, quando foi tentado pelo diabo no deserto, assim respondeu: “Está escrito: Não só de pão viverá o homem, mas de toda palavra que procede da boca de Deus.” (Mateus 4.4). Muitos cristãos se encontram enfraquecidos, cedendo às tentações oferecidas pelo mundo, pelo diabo e pela carne, porque se alimentam de muitas coisas, menos da Palavra de Deus. Eles se alimentam de filosofias, de crenças pagãs, de uma cultura egocêntrica, daquilo que os olhos veem e desejam. Isso causa inanição espiritual, fraqueza, debilidade, impedindo que tenhamos um estilo de vida diferente do restante do mundo. Como resultado, somos levados por qualquer vento de doutrina, caímos com qualquer pequeno empurrão.
d) Santifica“Santifica-os na verdade; a tua palavra é a verdade.” (João 17.17). Jesus orou ao Pai para que nós fôssemos santificados na verdade, e disse que a Palavra de Deus é a verdade, ou seja, somos santificados na Palavra. Santificação é separação, purificação. A Palavra de Deus penetra em nós e vai revelando áreas em que há necessidade de tratamento, vai trazendo à luz nossa pecaminosidade, a fim de que nos apartemos de toda impureza, achegando-nos a Deus. Pela Palavra de Deus o cristão é orientado a se santificar, a se manter incontaminado.
e) Ilumina e orienta“Lâmpada para os meus pés é a tua palavra e, luz para os meus caminhos.” (Salmo 119.105). Enquanto os descrentes caminham a passos largos para a perdição, aquele que tem Jesus como seu Salvador é iluminado e orientado pela Palavra de Deus, a fim de que não venha a tropeçar nem errar o caminho. Quem está no escuro é como o cego, pois nada vê, mas quem tem luz consegue ver claramente para onde está indo. Os incrédulos muitas vezes buscam respostas sobre a finalidade de suas vidas, e sobre o seu destino final. Alguns creem que após a morte física tudo acaba; outros, que há possibilidade de retornar a este mundo para se aperfeiçoarem em outra vida; outros simplesmente não têm a menor ideia do que pode acontecer após a morte. Mas os cristãos, que têm a Palavra de Deus e nela confiam, sabem porque estão neste mundo, e têm convicção quanto ao que os espera após a morte física: a vida eterna com Jesus.
f) Revela quem somos“Porque a palavra de Deus é viva, e eficaz, e mais cortante do que qualquer espada de dois gumes, e penetra até ao ponto de dividir alma e espírito, juntas e medulas, e é apta para discernir os pensamentos e propósitos do coração. E não há criatura que não seja manifesta na sua presença; pelo contrário, todas as coisas estão descobertas e patentes aos olhos daquele a quem temos de prestar contas.” (Hebreus 4.12-13). Embora muitas vezes tentemos esconder nosso eu verdadeiro, utilizando máscaras, a Palavra de Deus nos mostra quem realmente somos. Podemos achar que somos fortes, sábios, independentes, mas a Palavra nos revela que somos fracos, tolos e dependemos de Deus em tudo, apesar de muitos não aceitarem. A Palavra de Deus revela quem é falso profeta, quem prega mentiras, quem é enganador. À luz da Palavra não é possível que nada permaneça encoberto, pois a Palavra penetra no fundo e traz à tona toda a verdade.

2)      ESTAR DISPOSTOS

O texto prossegue dizendo que Deus disse a Jeremias: “dispõe-te”.
Jeremias devia se preparar, sair de onde estava e fazer o que Deus iria mandar. Sempre que encontramos na Bíblia a expressão “dispõe-te”, refere-se a se preparar, colocar-se a postos, estar pronto para fazer algo.
Assim também nós devemos ter o coração disposto a obedecer a Deus, a nos submetermos às mudanças que Ele pretende fazer em nós. Devemos nos levantar e nos colocar a postos para sermos utilizados por Deus como lhe apraz. Temos que nos dispor a:
a)      ouvir o que Deus nos diz
b)      obedecer à Sua Palavra
c)      trabalhar conforme orientações de Deus
d)      ser moldados por Deus
e)      renunciar a tudo o que pode nos afastar de Deus.

3)      DESCER

Deus disse a Jeremias: “Dispõe-te, e desce à casa do oleiro, e lá ouviras as minhas palavras”.
A casa do oleiro ficava no vale, por isso era necessário descer. Mas na sequência do texto vemos que o oleiro, na verdade, representa Deus, que trabalha o seu povo como vaso de barro. Nós somos os vasos feitos pelo Oleiro. Se assim é, para nós a casa do oleiro vem a ser a Casa de Deus. Naquele tempo, a Casa de Deus era o Templo de Jerusalém, construído sobre o monte Moriá.
Portanto, a Casa de Deus não ficava num lugar baixo, mas num monte, um local elevado, e para se chegar lá não se descia, antes, era necessário subir.
Na verdade, o ato de descer simboliza, para nós, o humilhar-se na presença de Deus.
Descer à Casa do Oleiro tem a ver com abandonar qualquer sentimento de arrogância, de autosuficiência, colocar-se em posição de humildade diante dAquele que nos fez, que nos mantém e que tem o poder para fazer conosco o que melhor lhe aprouver.
Descer à Casa do Oleiro é reconhecer que somos barro, e que diante de Deus, o Oleiro, não somos absolutamente nada.
É reconhecer que somos transitórios, enquanto Deus é eterno.
É reconhecer que nada sabemos, enquanto Deus tem o pleno conhecimento.
É reconhecer que nada podemos mudar, mas Deus tem em suas mãos o controle de todas as coisas.
É reconhecer que podemos fazer projetos, mas que eles somente serão cumpridos se Deus nos permitir, e serão bem sucedidos se Deus der a Sua bênção.
É reconhecer que somos pecadores, e carecemos da Graça de Deus.
É admitir que não podemos barganhar com Deus, pois não somos donos de nada, não estamos em posição de exigir ou oferecer nada a Deus, ao passo que a Ele pertence tudo o que existe.
Hoje, cada cristão é Templo do Senhor, onde habita o Espírito Santo, e onde estão reunidos os cristãos, ali é Casa de Deus. Devemos ir à Casa de Deus, onde estão congregados os filhos de Deus, com o coração quebrantado, em posição de ouvir a Palavra.
“Sacrifícios agradáveis a Deus são o espírito quebrantado; coração compungido e contrito, não o desprezarás, ó Deus.” (Salmo 51.17)
Deus não se agrada daqueles que se achegam à Sua Presença com altivez, julgando-se donos da verdade, superiores aos demais, santos acima de todos os santos. Antes, Ele tem prazer naquele que é humilde e que reconhece quem é Deus, e se dispõe a ouvir a voz do Pai com o coração quebrantado. Esse ouvirá a Palavra de Deus, e Ela produzirá frutos em sua vida.

CONCLUSÃO

Fazer a diferença em meio a uma sociedade cujos valores morais e éticos estão em decadência não é tarefa fácil, mas é necessária. Essa tarefa somente pode ser cumprida se nos dispusermos a servir a Deus com integridade e retidão, vivendo conforme Sua Palavra, não buscando agradar a homens, mas apenas ao nosso Pai Celeste, que nos fortalece.

“Fazei tudo sem murmurações nem contendas, para que vos torneis irrepreensíveis e sinceros, filhos de Deus inculpáveis no meio de uma geração pervertida e corrupta, na qual resplandeceis como luzeiros no mundo.” (Filipenses 2.14-15)

“Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas.” (Apocalipse 2.29)

quinta-feira, 26 de julho de 2012

SETE SEGREDOS DO SUCESSO ESPIRITUAL


Sete segredos do sucesso espiritual

Texto: Lucas 5:Introdução: Quase toda pessoa normal está interessada no sucesso. Observe a seção de negócios e de autoajuda da livraria local. Olhe os livros mais vendidos. Consulte a seção de anúncios dos jornais veja a lista de convites para seminários sobre "sucesso". Acredito que de todas as pessoas no mundo, nós, cristãos, devemos querer ter sucesso. O que nos torna diferentes são nossas prioridades, definição de sucesso, e maneiras de chegar lá. Vamos aprender uma lição de uma equipe de pescadores cansados que provaram o fracasso até que Jesus lhes ensinou princípios de sucesso que os ajudou pelo resto de suas vidas. Estes princípios são -

passos-para-o-sucesso
I. Aceitar as limitações dos esforços e planos humanos. V. 5
A. Pedro, André, Tiago e João fizeram tudo o que sabiam para pescar e ainda acabaram de mãos vazias.
B. Deus nos deu a mente para pensar, mas, às vezes não temos capacidade e sabedoria suficiente para ter sucesso por conta própria (Isaias 55:8-9 - Salmos 39:5b).

II. Confiança na palavra de Jesus, mesmo que não faça sentido. V. 5
A. Como você acha que esses pescadores se sentiram, recebendo o conselho de um carpinteiro que virou pastor? Será que eles não sabiam pescar? Era a profissão deles desde a infância.
B. Ainda assim, havia algo em Jesus que os levou a confiar nele. Ele não tinha, naturalmente, pedido a eles que fizessem algo imoral, apenas algo que não parecia fazer sentido prático (Provérbios 3:5-7).

III. Esteja disposto a enfrentar os problemas e dores. V. 4
A. Quando Jesus disse aos discípulos para lançar novamente a rede, foi em águas profundas. Riscos e desafios é parte da conquista. Uma vida sem riscos é terrivelmente sem graça.
B. A história prova que cada tarefa grande e bem sucedida sempre envolveu alguns dos problemas mais difíceis e provações ao longo do caminho. Enfrentar e superar dificuldades inevitáveis tornar a vitória ainda mais doce! (II Coríntios. 11:23-27).

IV. Nunca desista mesmo sentindo-se frustrado. V.5
A. Os pescadores estavam com sono e cansados, mas dispostos a fazer a sua parte (II Coríntios 12:9 - Filipenses 4:19.
B. Eles estavam desanimados, mas dispostos a tentar novamente, desta vez do jeito do Senhor (I Samuel 30:6).

V. Lembre-se da importância do trabalho em equipe. V. 7
A. Então, e agora, existe a necessidade constante por mais trabalhadores na obra do Senhor (Lucas 10:2).
B. Como o sucesso veio, eles tinham de partilhar o fardo.
C. Como o Senhor Jesus foi o foco principal, não importa quem tem o crédito (I Coríntios. 3:5-6).

VI. Lembre-se, Deus pode nos dar mais do que jamais pedimos ou imaginamos. v. 6
A. A demora de Deus não é negativa. Um cristão que é fiel a Deus está destinado a um final feliz!
B. Observe que a captura de peixes foi ainda maior do que eles esperavam (Efésios 3:20).
C. Nosso Deus se deleita em nos surpreender (I Coríntios 2:9).

VII. Seja humilde, mesmo no seu sucesso. V. 8-9
A. Pedro não tomou o crédito exclusivo pelo sucesso.
B. Na verdade, ele se humilhou diante do Senhor e ficou cara a cara com sua própria indignidade.
C. A bondade de Deus deve nos levar ao arrependimento (Romanos 2:4). É Deus quem deve ser glorificado.

Conclusão: Amigo, você não precisa estar em um "grande momento" para ser bem sucedido. Ao ler o livro de Atos, você vai ver como um pobre pescador, como Pedro se tornou útil a Deus e se tornou um sucesso espiritual. E assim você pode ser bem sucedido se apenas você seguir os segredos de Deus para o sucesso espiritual! O sucesso espiritual começa com um relacionamento pessoal com o Senhor Jesus Cristo. Mesmo se você chegou a um ponto onde você tem alcançado as suas ambições terrenas, sem Cristo, é em vão e nada em absoluto. Sem Cristo como Senhor e Salvador, você está destinado ao fracasso eterno

domingo, 8 de julho de 2012

SALVAÇÃO SOMENTE ATRAVÉS DE JESUS CRISTO


"Disse-lhe Jesus: Eu sou a ressurreição e a vida; quem crê em Mim, ainda que esteja morto, viverá; E todo aquele que vive, e crê em Mim, nunca morrerá. Crês tu isto?" (João 11:25-26)



O homem natural tem prazer em tudo que o mundo lhe oferece. Em seu coração ele sabe que há dois caminhos que ele pode escolher seguir. Este caminhos são:

1- Um caminho largo que lhe oferece prazeres e tudo que o seu coração pecador almeja mas que Deus abomina.
Mateus 7:13, no entanto, diz o seguinte: "... porque larga é a porta, e espaçoso o caminho que conduz à perdição, e muitos são os que entram por ela."
É triste vermos milhares de pessoas caminhando por este caminho de perdição, sem Cristo, achando que ninguém é capaz de saber como se salvar, só Deus. Realmente, Deus sabe e deixou escrito em 1 João 5:13 palavras que nos asseguram que teremos vida eterna no céu. Elas dizem: "Estas coisas vos escrevi a vós, os que credes no nome do Filho de Deus, para que saibais que tendes a vida eterna, e para que creiais no nome do Filho de Deus." 
Então, é responsabilidade nossa, que somos crentes no Senhor Jesus Cristo, falarmos dEle aos perdidos. Que possamos ter um peso pelas almas daqueles que estão sem Cristo!

2- Um caminho estreito que o conduz à vida eterna.
Mateus 7:14 diz claramente: "E porque estreita é a porta, e apertado o caminho que leva à vida, e poucos há que a encontrem." O caminho que nos leva ao céu por toda uma eternidade é estreito mas não é tortuoso, nem cheio de pedregulhos, nem tão difícil. Difícil foi para Jesus, o Deus que desceu da Sua glória para lançar sobre Si os pecados de toda a humanidade, derramar o Seu próprio sangue para ter-nos junto a Ele eternamente. Isto é o amor que não entendemos, nem sabemos explicar. É o amor que devemos seguir e ter dentro de nós a fim de que o mundo queira ter em sua vida o mesmo Deus que nós temos.

Dentre tantas pessoas que decidiram seguir pelo caminho estreito, vamos conhecer uma jovem judia que era segundo o coração de Deus. Seu nome era Maria. Ela, apesar de ser muito jovem, pobre, foi agraciada com a visita de um anjo enviado por Deus. Por duas vezes, o anjo Gabriel falou a Maria dizendo o quanto ela achou graça diante de Deus:

1) No versículo 28 de Lucas 1, ele disse: "... Salve agraciada ; o Senhor é contigo; bendita és tu entre as mulheres" (grifo meu).

2) No versículo 30 de Lucas 1, ele disse: "... Maria não temas, porque achaste graça diante de Deus" (grifo meu).

Maria conhecia a Palavra de Deus e ela sabia que "Sem fé é impossível agradar-Lhe ..." (Hebreus 11:6). Ela, apesar de tão jovem, tinha uma fé no Deus que a criou e que ela carregava em seu coração amando-O e obedecendo-O.
Ela foi escolhida para ser a mãe de Jesus porque Deus conhecia o seu coração e sabia que ela O amava, obedecia e confiava nEle. Deus a escolheu apesar dela ser uma pecadora que necessitava ser salva através do sangue do verdadeiro Cordeiro de Deus, Jesus Cristo.
Ela mesma sabia que tinha que crer no Senhor para ser salva eternamente.
Ela sabia que necessitava de um Salvador quando disse: "A minha alma engrandece ao Senhor, e o meu espírito se alegra em Deus meu Salvador" (Lucas 1:46-47).
Maria, assim como eu e você, estava perdida, necessitando de um Salvador.
Ao vermos a própria Maria, mãe de Jesus, admitindo que estava perdida e precisava de um Salvador para ter seus pecados perdoados lembramos de uma outra mulher que aos olhos de Deus é também muito importante. Esta mulher é VOCÊ, minha amiga. Gostaria de lhe fazer algumas perguntas e pedir-lhe, amorosamente, que medite nelas.

De acordo com os versículos chaves do nosso estudo ...
* O que você deve fazer para ser salva?
* O que o próprio Jesus disse a mim e a você que devíamos fazer para sermos salvas?

Ele, claramente, nos diz: "Eu sou a ressurreição e a vida; quem crê em Mim, ainda que esteja morto, viverá; E todo aquele que vive, e crê em Mim, nunca morrerá. Crês tu isto?"(Lucas 1:25-26), (grifo meu).

* Você já decidiu crer em Jesus?
* Você já decidiu não ser uma pessoa morta, separada de Deus?
* Você já decidiu viver, eternamente, com Jesus, no céu por toda uma eternidade?
Se não, então ...
1- decida aceitar Jesus como seu Salvador;
2- decida vencer aquele que é inimigo da sua alma, Satanás;
3- decida entregar toda a sua vida Àquele que derramou o Seu sangue no seu lugar.

Certa vez, li um folheto que falava das desculpas que as pessoas apresentavam para não aceitar Jesus. Dentre tantas, algumas diziam: "Não, agora não, sou muito novo! Quem sabe mais adiante?"... "Talvez no próximo ano, pois agora estou muito ocupado!"... "Agora não, pois estou preocupado com os estudo dos meus filhos e não tenho muito tempo!" Estas são desculpas muito perigosas, pois nada neste mundo é mais importante do que a sua vida eterna no céu. O tempo de você tomar a sua decisão não é amanhã, pois a Bíblia em Provérbios 27:1 nos diz: "Não presumas do dia de amanhã, porque não sabes o que ele trará."
O dia que você tem que fazer a sua decisão por Cristo é hoje. É a própria Bíblia que diz "... Ouvi-te em tempo aceitável! E socorri-te ao dia da salvação; Eis aqui agora o tempo aceitável, eis aqui agora o dia da salvação" (2 Coríntios 6:2).
Amiga, talvez amanhã seja muito tarde para você aceitar Jesus em sua vida e receber o perdão dos seus pecados. Lembre-se que “Quem tem o Filho tem a vida; quem não tem o Filho de Deus não tem a vida.” (1Jo 5:12 BRP).
Não pense que você é, suficientemente, boa e merecedora da vida eterna no céu. Você precisa crer em Jesus para se salvar. Dobre os joelhos, baixe a cabeça e, com o coração cheio de arrependimento, creia que você necessita de Jesus para ser salva, necessita segui-Lo.

Veja este comentário do "Life Application Bible Commentary" que nos diz como devemos seguir a Jesus: "As pessoas que podem ter um relacionamento com Cristo são aquelas que fazem a vontade do Pai. Elas ouvem, aprendem, crêem e obedecem. A obediência é a chave para fazer parte da família de Deus. O conhecimento não é o bastante - os líderes religiosos tinham conhecimento e, ainda assim, não compreenderam Jesus. Seguir não é o bastante - a multidão seguia mas não entendeu quem era Jesus. Aqueles que crêem em Jesus passam a fazer parte da família de Deus."

A Bíblia nos ensina no evangelho de João 1:12 que nós somos feitos filhos de Deus. Nós não nascemos fazendo parte da família de Deus mas nos tornamos filhos quando aceitamos Jesus como nosso Salvador. Veja o que este versículo diz: "Mas, a todos quanto O receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, aos que crêem no Seu nome."
Novamente, quero lhe perguntar:
Você já creu em Jesus?
Você já O aceitou como seu Salvador?
Então, se você já fez esta decisão, você já faz parte da família de Deus, já pode ser chamada de filha de Deus.
Mas se você decidiu não fazer esta decisão agora, lembre-se do que o Senhor diz na Sua Palavra:
* "Quem crer e por batizado será salvo; mas quem não crer será condenado" (Marcos 16:16).
* "Quem crê nEle não é condenado; mas quem não crê já está condenado, porquanto não crê no nome do unigênito Filho de Deus" (João 3:18).

Amiga, pense seriamente no futuro eterno de sua alma. Veja ainda o que Tiago 4:14 lhe diz: "Digo-vos que não sabeis o que acontecerá amanhã. Porque, que é a vossa vida? É um vapor que aparece por um pouco, e depois se desvanece."
Você tem certeza de que estará viva daqui a cinco minutos? Não, não é? Como o versículo disse, a nossa vida é como um vapor que aparece por um pouco de tempo e depois desaparece. Então, não perca tempo e reconheça que você é uma pecadora, que necessita ser salva para obter a vida eterna no céu. Não rejeite a verdade! Seja submissa ao que o Senhor ensina na Sua Palavra.

Vejamos algumas passagens bíblicas que nos mostram o que eu devo fazer para ser salva. Tenho que fazer boas obras? Tenho que reconhecer que sou pecadora e viver pedindo perdão para me conservar salva? A Bíblia nos diz...

"E em nenhum outro há salvação, porque também debaixo do céu nenhum outro nome há, dado entre os homens, pelo qual devamos ser salvos" (Atos 4:12).

"... Senhores, que é necessário que eu faça para me salvar? E eles disseram: Crê no Senhor Jesus Cristo e serás salvo..." (Atos 16:30-31).

"Sabendo que o homem não é justificado pelas obras da lei, mas pela fé em Jesus Cristo ..." (Gálatas 2:16).

Que o Espírito Santo possa convencê-la a aceitar Jesus em sua vida, pois só assim você poderá passar toda a eternidade no céu.

"Senhor Deus, meu Pai, obrigada pelo Teu amor derramado em minha vida.
Obrigada pelo sangue de Jesus derramado na cruz para salvar uma pecadora como eu.
Que o Teu amor por mim possa ser uma luz para aqueles que caminham na escuridão.
Te amo Senhor e Te agradeço por me dares a salvação eterna.
  • Amém!"


SALVAÇÃO SOMENTE ATRAVÉS DE JESUS CRISTO


"Disse-lhe Jesus: Eu sou a ressurreição e a vida; quem crê em Mim, ainda que esteja morto, viverá; E todo aquele que vive, e crê em Mim, nunca morrerá. Crês tu isto?" (João 11:25-26)



O homem natural tem prazer em tudo que o mundo lhe oferece. Em seu coração ele sabe que há dois caminhos que ele pode escolher seguir. Este caminhos são:

1- Um caminho largo que lhe oferece prazeres e tudo que o seu coração pecador almeja mas que Deus abomina.Mateus 7:13, no entanto, diz o seguinte: 
"... porque larga é a porta, e espaçoso o caminho que conduz à perdição, e muitos são os que entram por ela."É triste vermos milhares de pessoas caminhando por este caminho de perdição, sem Cristo, achando que ninguém é capaz de saber como se salvar, só Deus. Realmente, Deus sabe e deixou escrito em 1 João 5:13 palavras que nos asseguram que teremos vida eterna no céu. Elas dizem: "Estas coisas vos escrevi a vós, os que credes no nome do Filho de Deus, para que saibais que tendes a vida eterna, e para que creiais no nome do Filho de Deus." Então, é responsabilidade nossa, que somos crentes no Senhor Jesus Cristo, falarmos dEle aos perdidos. Que possamos ter um peso pelas almas daqueles que estão sem Cristo!

2- Um caminho estreito que o conduz à vida eterna.Mateus 7:14 diz claramente: "E porque estreita é a porta, e apertado o caminho que leva à vida, e poucos há que a encontrem." O caminho que nos leva ao céu por toda uma eternidade é estreito mas não é tortuoso, nem cheio de pedregulhos, nem tão difícil. Difícil foi para Jesus, o Deus que desceu da Sua glória para lançar sobre Si os pecados de toda a humanidade, derramar o Seu próprio sangue para ter-nos junto a Ele eternamente. Isto é o amor que não entendemos, nem sabemos explicar. É o amor que devemos seguir e ter dentro de nós a fim de que o mundo queira ter em sua vida o mesmo Deus que nós temos.

Dentre tantas pessoas que decidiram seguir pelo caminho estreito, vamos conhecer uma jovem judia que era segundo o coração de Deus. Seu nome era Maria. Ela, apesar de ser muito jovem, pobre, foi agraciada com a visita de um anjo enviado por Deus. Por duas vezes, o anjo Gabriel falou a Maria dizendo o quanto ela achou graça diante de Deus:

1) No versículo 28 de Lucas 1, ele disse: "... Salve agraciada ; o Senhor é contigo; bendita és tu entre as mulheres" (grifo meu).
2) No versículo 30 de Lucas 1, ele disse: "... Maria não temas, porque achaste graça diante de Deus" (grifo meu).
Maria conhecia a Palavra de Deus e ela sabia que "Sem fé é impossível agradar-Lhe ..." (Hebreus 11:6). Ela, apesar de tão jovem, tinha uma fé no Deus que a criou e que ela carregava em seu coração amando-O e obedecendo-O.
Ela foi escolhida para ser a mãe de Jesus porque Deus conhecia o seu coração e sabia que ela O amava, obedecia e confiava nEle. Deus a escolheu apesar dela ser uma pecadora que necessitava ser salva através do sangue do verdadeiro Cordeiro de Deus, Jesus Cristo.
Ela mesma sabia que tinha que crer no Senhor para ser salva eternamente.
Ela sabia que necessitava de um Salvador quando disse: "A minha alma engrandece ao Senhor, e o meu espírito se alegra em Deus meu Salvador" (Lucas 1:46-47).
Maria, assim como eu e você, estava perdida, necessitando de um Salvador.
Ao vermos a própria Maria, mãe de Jesus, admitindo que estava perdida e precisava de um Salvador para ter seus pecados perdoados lembramos de uma outra mulher que aos olhos de Deus é também muito importante. Esta mulher é VOCÊ, minha amiga. Gostaria de lhe fazer algumas perguntas e pedir-lhe, amorosamente, que medite nelas.

De acordo com os versículos chaves do nosso estudo ...
* O que você deve fazer para ser salva?
* O que o próprio Jesus disse a mim e a você que devíamos fazer para sermos salvas?

Ele, claramente, nos diz: "Eu sou a ressurreição e a vida; quem crê em Mim, ainda que esteja morto, viverá; E todo aquele que vive, e crê em Mim, nunca morrerá. Crês tu isto?"(Lucas 1:25-26), (grifo meu).

* Você já decidiu crer em Jesus?
* Você já decidiu não ser uma pessoa morta, separada de Deus?
* Você já decidiu viver, eternamente, com Jesus, no céu por toda uma eternidade?
Se não, então ...
1- decida aceitar Jesus como seu Salvador;
2- decida vencer aquele que é inimigo da sua alma, Satanás;
3- decida entregar toda a sua vida Àquele que derramou o Seu sangue no seu lugar.

Certa vez, li um folheto que falava das desculpas que as pessoas apresentavam para não aceitar Jesus. Dentre tantas, algumas diziam: "Não, agora não, sou muito novo! Quem sabe mais adiante?"... "Talvez no próximo ano, pois agora estou muito ocupado!"... "Agora não, pois estou preocupado com os estudo dos meus filhos e não tenho muito tempo!" Estas são desculpas muito perigosas, pois nada neste mundo é mais importante do que a sua vida eterna no céu. O tempo de você tomar a sua decisão não é amanhã, pois a Bíblia em Provérbios 27:1 nos diz: "Não presumas do dia de amanhã, porque não sabes o que ele trará."O dia que você tem que fazer a sua decisão por Cristo é hoje. É a própria Bíblia que diz "... Ouvi-te em tempo aceitável! E socorri-te ao dia da salvação; Eis aqui agora o tempo aceitável, eis aqui agora o dia da salvação" (2 Coríntios 6:2).
Amiga, talvez amanhã seja muito tarde para você aceitar Jesus em sua vida e receber o perdão dos seus pecados. Lembre-se que “Quem tem o Filho tem a vida; quem não tem o Filho de Deus não tem a vida.” (1Jo 5:12 BRP).
Não pense que você é, suficientemente, boa e merecedora da vida eterna no céu. Você precisa crer em Jesus para se salvar. Dobre os joelhos, baixe a cabeça e, com o coração cheio de arrependimento, creia que você necessita de Jesus para ser salva, necessita segui-Lo.

Veja este comentário do "Life Application Bible Commentary" que nos diz como devemos seguir a Jesus: "As pessoas que podem ter um relacionamento com Cristo são aquelas que fazem a vontade do Pai. Elas ouvem, aprendem, crêem e obedecem. A obediência é a chave para fazer parte da família de Deus. O conhecimento não é o bastante - os líderes religiosos tinham conhecimento e, ainda assim, não compreenderam Jesus. Seguir não é o bastante - a multidão seguia mas não entendeu quem era Jesus. Aqueles que crêem em Jesus passam a fazer parte da família de Deus."
A Bíblia nos ensina no evangelho de João 1:12 que nós somos feitos filhos de Deus. Nós não nascemos fazendo parte da família de Deus mas nos tornamos filhos quando aceitamos Jesus como nosso Salvador. Veja o que este versículo diz: "Mas, a todos quanto O receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, aos que crêem no Seu nome."Novamente, quero lhe perguntar:
Você já creu em Jesus?
Você já O aceitou como seu Salvador?
Então, se você já fez esta decisão, você já faz parte da família de Deus, já pode ser chamada de filha de Deus.
Mas se você decidiu não fazer esta decisão agora, lembre-se do que o Senhor diz na Sua Palavra:
"Quem crer e por batizado será salvo; mas quem não crer será condenado" (Marcos 16:16).
"Quem crê nEle não é condenado; mas quem não crê já está condenado, porquanto não crê no nome do unigênito Filho de Deus" (João 3:18).

Amiga, pense seriamente no futuro eterno de sua alma. Veja ainda o que Tiago 4:14 lhe diz: "Digo-vos que não sabeis o que acontecerá amanhã. Porque, que é a vossa vida? É um vapor que aparece por um pouco, e depois se desvanece."Você tem certeza de que estará viva daqui a cinco minutos? Não, não é? Como o versículo disse, a nossa vida é como um vapor que aparece por um pouco de tempo e depois desaparece. Então, não perca tempo e reconheça que você é uma pecadora, que necessita ser salva para obter a vida eterna no céu. Não rejeite a verdade! Seja submissa ao que o Senhor ensina na Sua Palavra.

Vejamos algumas passagens bíblicas que nos mostram o que eu devo fazer para ser salva. Tenho que fazer boas obras? Tenho que reconhecer que sou pecadora e viver pedindo perdão para me conservar salva? A Bíblia nos diz...

"E em nenhum outro há salvação, porque também debaixo do céu nenhum outro nome há, dado entre os homens, pelo qual devamos ser salvos" (Atos 4:12).

"... Senhores, que é necessário que eu faça para me salvar? E eles disseram: Crê no Senhor Jesus Cristo e serás salvo..." (Atos 16:30-31).

"Sabendo que o homem não é justificado pelas obras da lei, mas pela fé em Jesus Cristo ..." (Gálatas 2:16).

Que o Espírito Santo possa convencê-la a aceitar Jesus em sua vida, pois só assim você poderá passar toda a eternidade no céu.

"Senhor Deus, meu Pai, obrigada pelo Teu amor derramado em minha vida.
Obrigada pelo sangue de Jesus derramado na cruz para salvar uma pecadora como eu.
Que o Teu amor por mim possa ser uma luz para aqueles que caminham na escuridão.
Te amo Senhor e Te agradeço por me dares a salvação eterna.

terça-feira, 19 de junho de 2012

Biografia de Abraão





Nome:  Abraão
Significado:        Pai ou Líder de Muitos[4]
Do Hebraico:     אברהם Avraham ou ’Abhrāhām
Raiz familiar:  Raiz de Noé linhagem de Sem
Avô:    Naor
Pai:      Terá
Mãe:    ---
Irmãos:           Naor / Harã
Esposa:           Sara / Quetura / (Agar)
Filhos: Ismael / Isaque / Zinrã / Jocsã / Medã / Midiã / Jisbaque / Suá
Netos: Esaú / Jacó / Seba / Dedã / Efá / Efer / Enoque / Abida / Elda
Sobrinhos:      Ló / Uz / Buz / Quemuel / Quésede / Hazo / Pildas / Jidlafe / Betuel / Tebá / Gaã / Taás / Maaca.
Local de Nascimento:            provavelmente Ur
Tempo de Vida:          175 anos
Motivo de Morte:        Velhice
Local de Morte:
Localização Temporal:          Foi encontrado um contrato Babilónico em nome de Abraão. Este foi datado de 1800 - 2000AC. É provável a relação com o patriarca.
Status social:  Rico (Gênesis 13:2)[5]